vitalves.com

Textos e contextos!
Versão Feminina

Rotas paralelas | vitalves


curtas-metragens, cenas inéditas
de uma longa história.
Inação à proporção do tempo,
limites, espaço, lábios inertes.
Nos dedos, o pulsar do coração
desdém toda a imensidão
que nos separa do delírio.
O branco, o preto e o contraste
dá no contexto intencional
a interpretação do desejo,
reciprocidade constante, incessante.
Tempo percorrendo.
Palavras, parábolas, propostas...
De olhos fechados, nos vemos,
nos sentimos, nos servimos,
seguimos o mesmo caminho
em rotas paralelas.
Tudo é dito mas tudo não é bastante,
bastante também não é o tempo,
fica tudo a dizer. Quando?
Fátima, "o tempo, o vilão que também
é mocinho, determina."
E assim seguimos, canibais digitais,
um tchau, um beijinho no final
Um outro beijinho e mais um tchau.

Mais lidos